O moedor de carne é um dos equipamentos industriais essenciais, graças à praticidade e aos resultados que oferece. Ele é ideal para atender a pedidos de clientes ou mesmo para preparar blends que serão usados em receitas.

Para que a compra seja eficiente, é indispensável escolher uma alternativa funcional, de qualidade e com boas características. Isso melhora a produtividade e ajuda a conquistar boa performance.

A seguir, veja quais são as opções de destaque de moedor de carne e entenda seus diferenciais!

O modelo manual é bastante adequado para uso doméstico

O moedor manual é feito com ferro fundido e oferece bastante resistência para o uso contínuo. Seu funcionamento depende da utilização de uma alavanca, que faz com que o pedaço de carne seja direcionado para o moedor, propriamente dito.

Ele também pode ser usado com legumes, temperos e vegetais, com um ritmo de produção de até 30 kg por hora. Devido a suas características, é mais recomendado para o uso doméstico ou para pequenas produções.

O moedor de carne elétrico com bocal 8 oferece bastante segurança

Já o modelo elétrico é ágil e especialmente indicado para açougues, restaurantes, lanchonetes e outras opções do tipo. A versão com bocal 8 tem um espaço de entrada menor, mas também é mais compacto e versátil.

Esse é um dos equipamentos industriais que é produzido com materiais de alta resistência, como aço inox e ferro fundido. Além disso, conta com dispositivos de segurança para evitar que as mãos entrem em contato com a estrutura de moagem.

Se preferir, é possível escolher uma alternativa multifuncional. Nesse caso, há como moer carnes e legumes e extrair massas e embutidos. 

O moedor elétrico com bocal 10 é uma boa opção intermediária

O moedor de carne com bocal 10 é uma escolha com mais capacidade, já que recebe peças de carnes maiores. Inclusive, é uma ótima forma de simplificar o processo, já que exige menos cortes.

Além dos dispositivos de segurança, conta com fixadores de bancada para garantir total estabilidade. Com movimentos rápidos e precisos, é possível obter o alimento completamente moído.

Sua velocidade é relativamente elevada, embora o consumo de energia elétrica não seja tão alto. Por hora, tem uma capacidade de produção de 200 kg, o que é ideal para demandas intermediárias.

A versão com bocal 22 garante a máxima produtividade

Já se quiser o melhor desempenho do mercado, o ideal é recorrer ao moedor de carne elétrico com bocal 22. Como a entrada é muito maior que outras opções, permite processar mais alimentos em menos tempo.

Ele também é feito com ferro fundido e aço inox e tem uma durabilidade elevada. Se for usado corretamente, produz até 300 kg por hora. Com isso, é ideal para negócios que têm uma grande exigência.

Responsável por oferecer resultados de qualidade e padronizados, o moedor de carne deve estar na sua lista de prioridades de equipamentos industriais. Com a compra adequada, será possível aproveitar todos os seus benefícios.

Por falar na estrutura, descubra quais são as tendências de equipamentos industriais para 2020!